Publicado em 2/7/2018 11:50:02 AM

Famílias inscritas na Cohab recebem casas novas e saem do aluguel

A convocação dos inscritos para empreendimentos na Região Metropolitana é feita por meio de parcerias com a iniciativa privada. A participação da Cohab é na fase de comercialização das unidades, com a identificação da demanda, convocação das famílias e apoio no processo de contratação do financiamento.

Foram oito anos de espera entre a inscrição na Companhia de Habitação Popular de Curitba (Cohab) e a entrega das chaves da casa própria. Para a auxiliar de cozinha Caroline de Freitas, 33 anos, a espera valeu a pena. Ela e outras 152 famílias com renda entre R$ 1,8 mil e R$ 2,6 mil (faixa 1,5 do programa Minha Casa Minha Vida) foram contempladas com casas térreas no município de Fazenda Rio Grande.

“Desde que assumimos, a fila da Cohab voltou a andar. Estamos ofertando a nossos inscritos empreendimentos em parceria com a iniciativa privada. Imóveis de boa qualidade, comercializados por valores acessíveis às famílias convocadas”, afirma o presidente da Companhia, José Lupion Neto.

As unidades habitacionais fazem parte do Residencial Spazio Verde I, construído na Rua Jaguariaíva, 3089, bairro Santa Terezinha. As casas têm 43 m² em terrenos de 120 m². Em uma delas, Caroline de Freitas passou a morar com o marido e os dois filhos.

“Quando fomos convocados ano passado, chegamos à conclusão de que ter uma casa própria na Região Metropolitana é muito mais vantajoso do que ficar pagando aluguel em qualquer outro bairro”, destaca.

A família vivia em uma casa alugada no Umbará, onde pagavam R$ 800 mensais. Para adquirir a casa nova, ela utilizou seu FGTS como entrada e as prestações ficaram em R$ 490. “Mesmo somando o valor do condomínio ainda fica um gasto menor do que o aluguel que eu pagava”, diz.

Parcerias

A convocação dos inscritos para empreendimentos na Região Metropolitana é feita por meio de parcerias com a iniciativa privada. A participação da Cohab é na fase de comercialização das unidades, com a identificação da demanda, convocação das famílias, apoio no processo de contratação do financiamento e entrega das unidades.

O aposentado Gilson Balillo, 45 anos, e sua esposa, a manicure Cláudia Cruz, 43, também saíram da fila da Cohab para uma casa no Residencial Spazio Verde, onde viverão com o filho Renan, de 6 anos.

Eles moravam no Xaxim, em uma casa cedida pela mãe de Gilson. “Nada como ter a nossa própria casa, sem depender de ninguém. Fizemos um esforço para dar a entrada e conseguimos que as prestações ficassem em R$ 600, valor que cabe no orçamento”, comenta Cláudia.

Inscritos na Cohab desde 2015, o que mais agradou ao casal foi a região. “Um local muito tranquilo, sossegado, ótimo para as crianças brincarem. Também ficamos muito satisfeitos com a qualidade do conjunto, ficou bem bonito. Tenho certeza que vamos ser felizes aqui”, ressalta ela.

« voltar
 

Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

Desenvolvido por GPA'prospera