Apresentação

    A Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab) é uma sociedade de economia mista criada em maio de 1965, que tem como acionista majoritária a Prefeitura de Curitiba. A Companhia é responsável pela execução da política habitacional do município de Curitiba e tem competência para atuar também na Região Metropolitana.

    Até final dos anos 80, a Cohab funcionava exclusivamente como agente financeiro e promotor do Sistema Financeiro da Habitação/SFH, mas com o passar do tempo foi assumindo novas funções, como a gestão do Fundo Municipal da Habitação/FMH, surgido em 1990 e transformado em 2007 no Fundo Municipal de Habitação de Interesse Social (FMHIS).

    Em mais de 40 anos de atuação, a Companhia registrou o atendimento a cerca de 120 mil famílias, levando benefícios para mais de 450 mil pessoas. Hoje, a Cohab é o agente executor do FMHIS. Tem como uma de suas diretrizes principais atribuições a implantação do programa habitacional de Curitiba.

    Voltada com prioridade para o atendimento das camadas mais carentes da população, a Cohab dedica atenção especial aos projetos de urbanização de vilas, reassentamento de famílias em situação de risco ou insalubridade e regularização fundiária de áreas irregulares.

    Além da atuação nas ocupações, o programa habitacional de Curitiba também prevê a construção de unidades para atender à demanda cadastrada na Cohab. São famílias que aguardam atendimento habitacional e são convocadas para aquisição de imóveis de acordo com a ordem de inscrição. A maior parte dos inscritos está concentrada na faixa que vai até três salários mínimos.

    Para atender aos dois segmentos de sua clientela, a Cohab conta com recursos do município, que são somados aos obtidos em repasses e contratos de financiamentos firmados com o governo federal e a outras fontes, como o Fonplata (sigla em espanhol que designa um fundo financeiro internacional que atua nos países do rio da Prata, na América do Sul).

    As ações da Cohab Curitiba contam com o apoio de outros órgãos da estrutura do município, vinculando a moradia ao planejamento da cidade e às políticas de desenvolvimento urbano e social. Para isso, é importante a atuação integrada com o Ippuc (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba) e o reforço de órgãos como a Fundação de Ação Social (FAS) e secretarias municipais como as de Saúde e Educação. Esta integração garante mais efetividade à intervenção e maior sustentabilidade ao projeto.

    « voltar
     

    Rua Barão do Rio Branco, 45 - Centro - Curitiba - PR | CEP: 80010-180 | Fone: 0800-413233 - (41) 3221-8100

    Desenvolvido por GPA'prospera